fechar

Evento

Evento

Mostra Cultural de Artes Integradas Integrartes Sonhos encerra as apresentações em Guaíra e Orlândia

destaque-00

O Espetáculo Sonhos chegou a Guaíra e Orlândia, encerrando a turnê regional que também incluiu apresentação no município de Miguelópolis.

No dia 11 de setembro, a quadra da Escola Estadual Padre Mario Lano ficou pequena para a plateia formada por alunos, professores e colaboradores que assistiu ao espetáculo.

A Diretora da Escola, Geisa Japolla Israel, informou que cerca de 270 crianças do primeiro ao quinto ano, com idades entre seis e dez anos assistiram ao espetáculo. “Gostaram tanto que nem piscaram durante a apresentação”, comentou a diretora. No dia 16, a apresentação aconteceu na quadra da Sociedade Guairense de Beneficência – Sogube. Educadores, alunos e colaboradores aplaudiram entusiasmados os bailarinos.

No dia 13 de setembro, foi a vez dos alunos, educadores e colaboradores da Escola Professora Alcineia Gouvea de Freitas de Orlândia receberem o espetáculo. A apresentação contou com a participação de Célia Regina Leite, Presidente do Centro de Desenvolvimento Social Arte pela Vida, entidade proponente do Projeto.

Todos esses locais foram adaptados para assegurar acessibilidade para o público.

A Mostra Cultural realizada pelo Centro de Desenvolvimento social Arte pela Vida, Governo do Estado de São Paulo e Secretaria de Estado de Cultura com o apoio e parceria do Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça.

As apresentações artísticas culturais nos municípios de Miguelópolis, Guaíra e Orlândia, foram resultantes do trabalho realizado nas Oficinas de Artes Integradas abrangendo as modalidades de dança, artes cênicas, música, literatura, artes plásticas e convivência social.  As apresentações foram abertas ao público com entrada gratuita.

Processo criativo

Transportando Sonhos. Esta frase deu origem ao nome da Mostra Cultural “Sonhos”, que traz uma combinação do representativo, do abstrato, do irreal e do inconsciente. Da arte que busca libertar-se das exigências da lógica e da razão e ir além da consciência cotidiana, para a expressão do mundo do inconsciente e dos sonhos.

A apresentação resulta do levantamento e registro dos sonhos reais dos alunos e da equipe de professores das Oficinas de Artes Integradas. Tudo começou com o laboratório de criação de vídeos feitos pelos professores. Os alunos demonstraram vivo interesse pelos vídeos e passaram a reconhecer que a identidade e sonhos dos professores contribuem na construção do espetáculo.”, conta a diretora Artística da Usina da Dança, Valéria Pazeto.

Relatando o processo de Criação da Mostra Sonhos, Valéria  conta que o “espetáculo Sonhos, plástico e híbrido, foi criado a partir da metodologia multirreferencial que permeia integração, diversidade, colaboração, complexidade, arte educação, educação somática, intertransdiciplinariedade, subjetividade e poética, mesclando habilidades técnicas sensíveis e criativas a partir das linguagens das artes: música, artes plásticas e literatura e das artes da cena: balé clássico, jazz, contemporâneo e teatro.”, afirma.

Ela lembra que o processo de criação foi feito de “momentos ricos de união e escuta”. O caminho foi o pensar juntos, somando habilidades, de maneira lúdica, em uma vivência envolvente e encantadora.

Investigação

O trabalho artístico em dança fundamenta sua criação nos processos investigativos das inquietações cotidianas dos alunos que são instigados a criarem suas próprias histórias, baseadas em obras artísticas já existentes.

Movimento que envolve as famílias e sociedade

O trabalho consolidou-se por meio de laboratórios participativos, que sensibilizaram professores e alunos, colocando-os em contato com os estudos de Freud e Jung. Como aporte teórico também abrangemos o conhecimento da Escola de Artes Surrealismo e como atua nas diversas linguagens: Artes Plásticas, Teatro, Cinema e Dança.

Outros laboratórios foram de escuta dos alunos e de produção de desenhos e colagens que expuseram sonhos coletivos e a partir da colagem e produção artística individual. Os desenhos produzidos deram início à criação compartilhada do roteiro do espetáculo, estruturação de uma história, divisão de coreografias, sugestões de figurinos, elementos cênicos, cenário…

O trabalho passou, então, a envolver todos os profissionais com a proposta do sentir prático de um processo criativo artístico, norteador e a metodologia das Oficinas de Artes Usina da Dança, por oferecer uma visão holística, poética, estética e ética que acredita na arte como potencial transformador e sensível do ser humano, e que acompanha o olhar contemporâneo que acontece mundialmente.

Deste processo criativo foi possível pensar como os caminhos e possibilidades se tornam mais importantes do que simplesmente o produto final; como necessitamos despertar, estimular e reafirmar sempre nossa capacidade criadora. Cada espectador contribui com o espetáculo que irá compor a Mostra, trazendo sua interpretação única e particular, diretamente ligada às suas vivências, experiências sensíveis e sinestésicas, memórias e cultura.

“Nada é mais importante hoje em uma ação sociocultural do que saber ouvir e foi exatamente isso que o projeto fez”

“Em nome do Centro de Desenvolvimento Social Arte pela Vida, proponente deste projeto que tem como grande fruto o Espetáculo “Sonhos…” venho manifestar nossa imensa gratidão em fazer parte de tudo isso. Nada é mais importante hoje em uma ação sociocultural do que saber ouvir e foi exatamente isso que o projeto fez. Ouviu as vozes dos corações e transformou em espetáculo, em beleza, em sentimento.

Aos queridos amigos e parceiros nossa gratidão a todos por acreditar no sonho. Aos professores, técnicos, funcionários, pais e colaboradores nosso abraço mais sincero. O Projeto Integrartes não visou apenas a integração das artes, mas a integração das diversas instituições envolvidas sejam elas públicas e privadas. Por fim, gostaria de agradecer aos artistas:  crianças, jovens e adultos que, ao contar seus sonhos, reacenderam em nós os nossos.

Os mais sinceros parabéns e aplausos de toda plateia!

Célia Regina Leite
Presidente do Centro de Desenvolvimento Social Arte pela Vida

leia mais
EducaçãoEvento

Exposição Retratos da Terra pode ser visitada no Centro Cultural em Guaíra até 27 de setembro

Exposição Retratos da Terra pode ser visitada no Centro Cultural em Guaíra até 27 de setembro

No período de 28 de agosto a 27 de setembro, o Centro Cultural Colorado, sede do Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça em Guaíra, recebe a  exposição Retratos da Terra, com entrada gratuita.

A exposição é o resultado de um projeto de mesmo nome, realizado em Guaíra no mês de março, com a participação de jovens estudantes da rede pública da cidade. O patrocínio é do Banco Rabobank, que escolheu Guaíra para receber o projeto.

Durante algumas semanas, 22 jovens, selecionados em edital aberto onde o pré- requisito era estar regularmente matriculado na rede pública de ensino , após participarem de workshop e receberem formação técnica sobre fotografia, saíram a campo para registrar imagens de vários locais da cidade, cuidadosamente escolhidos para mostrar a cadeia da alimentação e como isso impacta a vida da comunidade de Guaíra.

O material então passou pela curadoria da artista Karina Bacci e o resultado é uma exposição, aberta a toda a comunidade, e um catálogo, que eterniza esse momento na vida dos jovens e na história da cidade. O fotógrafo da cidade Maurício Motoda também foi convidado para apresentar o olhar de uma artista local sobre o tema.

A iniciativa busca despertar nos participantes a reflexão, valorização e consciência de si mesmos e a importância da alimentação, uso consciente e aproveitamento de alimentos, além de ressaltar a arte e a fotografia como forma de expressão. Bacci também apresenta fotos feitas durante sua passagem pela cidade na exposição.

“A exposição é muito mais do que uma junção de belas fotos, trata-se do resultado de uma sensível reflexão sobre os hábitos e a cultura da cidade. Fotografaram aspectos importantes da alimentação: como são produzidos os alimentos, colhidos e comercializados”, explica Karina Bacci, curadora do projeto. “O objetivo é estimular a conscientização sobre a importância da alimentação, evitar o desperdício e estimular o aproveitamento total de cada alimento”, completa Soraya Galgane, diretora da Elo3, empresa idealizadora e que realiza o projeto com o patrocínio do Banco Rabobank, por meio da lei federal de incentivo à cultura.

“Os jovens deixaram a instantaneidade das imagens registradas pelos celulares, para dedicar-se à aprender técnicas fotográficas e treinar o seu olhar sensível para captar cenas cotidianas. Agora os jovens são capazes de explorar de forma artística as paisagens com as quais convivem, tornando o cotidiano inusitado, questionando, buscando e encontrando suas próprias formas de expressão para retratar comunidade rural e valorização do alimento e o ciclo de produção.”, afirma o gerente Executivo do IORM, Rafael Albuquerque Braghiroli.

Os alunos aplicaram todos os recursos aprendidos no curso: linguagem fotográfica, olhar, composição, ângulos, enquadramento e as questões de fundo técnico relacionadas aos recursos da câmara.

Entre os 22 jovens participantes do Projeto, há aqueles que consideram que poderão tornar-sefotógrafos para gerar renda. Alguns deles já começaram a fotografar eventos e buscam meios para adquirir seu equipamento fotográfico.

Serviço:

Retratos da Terra
Entrada: Aberta ao público – Grátis
Abertura: 28.08, às 16h00
Visitação: 28 de agosto a 27 de setembro
Centro Cultural Colorado
Av José Cavenaghe, 1.355 – Chácara Bela Vista
Horários: de segunda a sexta, das 09 às 12h e das 13h às 18h.

leia mais
Evento

IORM comemora Dia dos Pais em seus Polos com evento voltado para as famílias em suas várias formas

destaque-00

As tradicionais comemorações do Dia das Mães e Dia dos Pais geram bastante expectativa, comoção, mídias e apelos comerciais. Mas no Instituto Oswaldo Ribeiro De Mendonça a comemoração não se restringe aos pais: é para toda Família.

“Devido às novas configurações familiares e ao contexto social em que cada criança e adolescente estão inseridos entendemos a necessidade de repensar essas datas ao mesmo tempo em que são momentos tão aguardados por elas e seus familiares. Nossos encontros têm a mesma dinâmica das festas tradicionais: apresentações musicais, atividades, homenagens, a diferença é que o foco não são as mamães e os papais, mas sim, a família como um todo”, destaca o gerente Executivo do IORM, Rafael Braghiroli.

“Nesse momento tão moderno que vivemos, com diversas situações, temos que pensar global, no todo, para não constranger, e sim satisfazer tanto a família quanto a criança e adolescente. Atendemos crianças e adolescentes que moram com avós, outras só com a mãe ou pai, pais divorciados ou viúvos, enfim, essas comemorações precisam atender a família toda.”, afirma a assistente social do IORM polo Miguelópolis, Anelisa Perticarrara.

Ela  salientou que os encontros familiares vão muito além de comemoração ou simples festividade: “a real intenção é proporcionar momentos de união, de fortalecimento de vínculos, descontração e de carinho, deixando lembranças alegres na memória de todos, principalmente das crianças e adolescentes..”, informa.

“Nós do IORM valorizamos as relações sociais, fortalecemos os vínculos e respeitamos as mudanças estruturais do núcleo familiar contemporâneo. Assim, nossa data do dia dos Pais foi marcada como a Festa da Família. Nos quatro polos de atuação do Instituto ORM, aconteceram momentos planejados e dedicados a este público. Cada indivíduo tem uma história, e respeitar a história familiar faz toda a diferença.”, afirma a assistente social e mobilizadora da equipe técnica social do IORM, Letícia Gerim.

As ações aconteceram no dia 13 de agosto no Núcleo IORM de Miguelópolis, no dia 15 de agosto nos Núcleos do IORM em Ipuã e Guaíra e no dia 16 de agosto no núcleo Orlândia e contaram com o envolvimento das equipes psicossociais e artísticas do Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça dos quatro polos de atuação, que utilizaram materiais pedagógicos para as dinâmicas e ofereceram café da tarde aos participantes. O impacto das ações alcançou uma média de 330 pessoas presente nos encontros participando ativamente.

Confira como foi a comemoração em cada Núcleo do IORM:

Miguelópolis

O Núcleo Cultural Oswaldo Ribeiro de Mendonça de Miguelópolis foi o polo que abriu as festividades dos encontros da Família, no dia 13 de agosto de 2019. O encontro reuniu cerca de 80 pessoas e aconteceu no Centro Cultural Rail Miguel Sawan no início da noite. Entre as atividades programadas, prioridade para as homenagens que as crianças e adolescentes assistidos pelo IORM prepararam para seus familiares. Ensaiadas e acompanhadas pelo professor e cantos Wellington Miranda, elas dedicaram aos familiares a música Amigo para toda hora. O encontro também contou com a atividade descontraída – Sentindo na Pele com a estagiária de Jazz, Ana Caroline.

Ipuã

Cerca de 70 pessoas participaram do Encontro com as Famílias realizado à partir das 17 horas do dia 15 de agosto pelo IORM no  Núcleo Cultural ORM de Ipuã,. Atividades artísticas entre pais e filhos, marcaram o momento de acolhida: os alunos assistidos pelo IORM tiveram a oportunidade de personalizar sua lembrança junto de seus pares. Todos participaram da aula de dança Sentindo na Pele, dirigida pela professora de Dança Ballet e Jazz, Isabela Oliveira. A assistente social conduziu um momento de reflexão sobre o tema: Família e o abraço, como uma ferramenta da disciplina positiva, e como forma de se sentir amado, ativa o senso de altruísmo e cooperação da criança, ela sai um pouco daquele movimento interno de raiva e frustração para olhar no outro. O evento foi encarrado com a dinâmica Seu abraço é um Estouro, reafirmando o exercício de olhar o olhos e se abraçarem.

Guaíra

O Centro Cultural Colorado, sede do Núcleo Cultural IORM recebeu os participantes do Encontro com a Família, que aconteceu à partir das 18 horas do dia 15 de agosto. O IORM teve a oportunidade de se unir aos representantes das famílias dos assistidos, para reforçar a importância da participação da família no processo direto de formação das crianças enquanto indivíduos.

O IORM reconhece a família como a primeira sociedade que convivemos e que levamos por toda vida, portanto, base para a formação de qualquer indivíduo. Em sua participação no evento, o assistente social Renan Quirino, do polo Guaíra destacou que: “é no convívio familiar que aprendemos um com o outro, a respeitar, partilhar, ter compromisso, disciplina e a administrar conflitos. É inegável que cada um carrega um histórico de experiências, aprendizados e lembranças que apresentarão reflexos por toda vida.”, salientou.

A celebração contou com 80 participantes que assistiram à apresentação do professor e cantor Welington Miranda, à contação de histórias com homenagem com Teacher Beth que homenageou assistidos e familiares.

O encontro foi encerrado pelo Assistente Social Renan Quirino com a dinâmica Em que mãos estão nossos filhos que destacou a importância de pensar nas atitudes de pais e familiares enquanto formadores de crianças que estão em processo de construção de repertorio psicossocial e necessitam de todo apoio e incentivo para crescerem e se desenvolverem plenamente e com segurança, respeitando toda pluralidade de formação familiar.

Orlândia

A Semana denominada Festa da Família realizada pelo IORM em todos os seus polos, foi encerrada com o Encontro realizado no dia 16 de agosto em Orlândia. O evento contou com a presença 102 pessoas divididas em dois horários diferentes e encontros diferentes.

Em ambos os encontros, os participantes contaram com a apresentação dos alunos de canto coral que trouxeram as músicas Trem Bala, de Ana Vilela. Com flautas, os alunos apresentaram a música Hallelujahde Leonard Cohen, ambas sob direção da professora Katiuscia de Paula.

As ações artísticas e culturais também contaram com a Assistente Social Laís Cunha que coordenou a dinâmica que pedia a alunos e familiares para que completassem a música e depois cantassem com a cooperação dos familiares, um momento que rendeu muitas risadas e grande emoção. A programação prosseguiu com a dinâmica da bexiga, que provocou uma breve reflexão sobre a importância do cuidado com os nossos familiares, mas também o respeito com os demais. O encerramento foi marcado pela  entrega das lembranças confeccionadas pelos próprios assistidos durante as aulas de artes da professora Daniela Rodrigues, que decoraram o mural também foi criado pelos alunos.

leia mais
Evento

BGC LIQUIDEZ CELEBRA DEZ ANOS DO CHARITY DAY

Release Charity Day_Preto-01

11 de setembro de 2019: Um dia para fazer o bem, em prol de quem realmente precisa. A BGC Liquidez realiza neste dia a 10ª edição do BGC Charity Day no Brasil, um evento global instituído para homenagear as vítimas dos ataques ao World Trade Center dos EUA, dentre eles mais de 600 colegas da BGC/Cantor, e também angariar fundos destinados à instituições de caridade em todos os países onde a empresa atua.

A primeira edição ocorreu em NY em 2005 – e não parou mais. Todo ano neste dia, as filiais BGC/Cantor de Nova York, Paris, Cingapura, Hong Kong, Londres, Sidney, São Paulo e Rio de Janeiro destinam 100% das receitas geradas neste dia nas operações financeiras para dezenas de instituições de caridade ao redor do mundo e também para a Cantor Fitzgerald Relief Fund. Desde então, a ação global já arrecadou mais de USD 159 milhões, em 15 anos.

No Brasil, já foram destinados mais de 1,6 Milhões de reais a diversas instituições, que trabalham de forma séria e profissional. Neste ano de 2019, as instituições de caridade brasileiras que participarão da 10ª edição do BGC Charity Day são: Fundação Gol de LetraArcah, ABACE e Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça.

Influenciando a ação do bem

Príncipes William e Harry, Lady Gaga, Sarah Ferguson – Duquesa de York, Eddie Jordan, Fabio Porchat, Victor Fasano, Anderson Silva, Bernardinho, Raí, Zetti, Luigi Baricelli, Hortencia são apenas algumas das celebridades que já colaboraram com o Charity Day. Graças à participação voluntária dessas pessoas.

São artistas, esportistas, políticos, jornalistas, executivos e especialistas do mercado financeiro que, graças ao seu reconhecimento público, conseguem mobilizar e influenciar pessoas a praticar a solidariedade, através do Charity Day.

Os convidados ilustres não precisam entender de papéis, câmbio ou ações, nem indicar amigos para fazer as aquisições. Os brokers da BCG Liquidez sabem como fazer isto. O impacto é amplificado pré e durante o evento, onde conseguem influenciar pessoas, para aumentar a arrecadação que irá beneficiar milhares de outras, no mundo inteiro.

Conheça as instituições beneficiadas no Brasil

Fundação Gol de Letra 

A Fundação Gol de Letra é uma organização da sociedade civil criada pelos ex-jogadores Raí e Leonardo que desenvolve práticas e saberes socioeducativos para mais de 3.750 crianças, adolescentes e jovens de 6 a 30 anos, nas cidades de Rio de Janeiro (bairro do Caju) e São Paulo (Vila Albertina), com atividades de Esporte, Lazer, Cultura e Formação para o trabalho, contribuindo para o desenvolvimento pessoal, social, cultural e educacional, além de promover a participação das famílias e o fortalecimento das comunidades onde atua.

Para saber mais, acesse: https://goldeletra.org.br/

Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça – IORM

O Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça – IORM é uma Organização da Sociedade Civil – OSC, que atua nas áreas de cultura, educação, estímulo à leitura, esportes, assistência social e qualificação profissional e geração de renda. Os projetos realizados contribuem para o desenvolvimento integral de pessoas garantindo conteúdos fundamentais para sua formação cidadã nos municípios de Orlândia, Guaíra, Miguelópolis e Ipuã, localizados na região nordeste do Estado de São Paulo. Desde sua fundação, já assistiu a mais de 9 mil pessoas.

O trabalho busca  transformar a infância e a adolescência em uma experiência mais positiva e bela. Para o Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça, é preciso garantir o desenvolvimento de crianças, adolescentes, jovens e suas famílias em todas as suas dimensões – intelectual, física, emocional, social e cultural.

 Sobre a ARCAH

A ARCAH é uma instituição que promove a reintegração de pessoas em situação de rua na sociedade. Buscam ressignificar à vida do público atendido, oferecendo ferramentas para redescobrimento de paixões, resgate da sua autoestima e confiança, desenvolvimento de aprendizados em diferentes capacitações despertando, em cada indivíduo, o sentimento de pertencimento a um grupo, reconhecendo seu papel, deveres e direitos na sociedade.

Sobre a ABACE

A ABACE – Associação Buriti de Arte, Cultura e Esporte é uma organização sem fins lucrativos, que nasceu em 2015 e tem como objetivo apoiar projetos sociais que geram impacto e transformação social, mas que dispõem de poucos recursos. A ABACE apoia projetos sociais que busquem descobrir e trabalhar com o melhor do outro, enxergando as suas reais necessidades e desafios e contribuindo com seu desenvolvimento.  

Como uma organização do Terceiro Setor, temos como propósito identificar e criar oportunidades de transformação de realidades por meio do esporte, arte e cultura ao conectar pessoas e organizações. Nos preocupamos em apoiar organizações de forma a direcioná-las para conquistar sua sustentabilidade, manter o seu trabalho e fortalecer suas ações na comunidade. Somos a ponte que conecta estes projetos a pessoas e empresas que queiram estar envolvidas em movimentos de transformação social.

Sobre a BCG Liquidez

A BGC Liquidez, uma das corretoras independentes mais tradicionais no mercado brasileiro de intermediações financeiras, com mais de 30 anos de história, faz parte da BCG/Cantor, um conglomerado mundial líder de mercado em diversos segmentos, com prêmios globais de atuação e gestão de risco, usando dos melhores recursos para execução de operações financeiras de voz e eletrônica. 

BGC CHARITY DAY 2019 – 11 de Setembro (4ª feira)

Escritórios BGC Liquidez (Brasil)
Av. Brigadeiro Faria Lima, 3144, 7º andar – São Paulo, SP
Av. Almirante Barroso, 52, 23º andar – Rio de Janeiro, RJ
Horário: 9h às 16h

Informações à Imprensa: AGENCIA VIVA

Ciça Nascimento – cica@agenciaviva.com
Renata Nascimento – renata@agenciaviva,com
Andressa Bregalanti – andressa@agenciaviva.com
Mais informações: www.bgccharityday.com

leia mais
Evento

IORM comemora Dia dos Pais em seus Polos com evento voltado para as famílias em suas várias formas

destaque-00

As tradicionais comemorações do Dia das Mães e Dia dos Pais geram bastante expectativa, comoção, mídias e apelos comerciais. Mas no Instituto Oswaldo Ribeiro De Mendonça a comemoração não se restringe aos país: é para toda Família.

“Devido às novas configurações familiares e ao contexto social em que cada criança e adolescente estão inseridos entendemos a necessidade de repensar essas datas ao mesmo tempo em que são momentos tão aguardados por elas e seus familiares. Nossos encontros têm a mesma dinâmica das festas tradicionais: apresentações musicais, atividades, homenagens, a diferença é que o foco não são as mamães e os papais, mas sim, a família como um todo”, destaca o gerente Executivo do IORM, Rafael Braghiroli.

“Nesse momento tão moderno que vivemos, com diversas situações, temos que pensar global, no todo, para não constranger, e sim satisfazer tanto a família quanto a criança e adolescente. Atendemos crianças e adolescentes que moram com avós, outras só com a mãe ou pai, pais divorciados ou viúvos, enfim, essas comemorações precisam atender a família toda.”, afirma a assistente social do IORM polo Miguelópolis, Anelisa Perticarrara.

Ela  salientou que os encontros familiares vão muito além de comemoração ou simples festividade: “a real intenção é proporcionar momentos de união, de fortalecimento de vínculos, descontração e de carinho, deixando lembranças alegres na memória de todos, principalmente das crianças e adolescentes..”, informa.

“Nós do IORM valorizamos as relações sociais, fortalecemos os vínculos e respeitamos as mudanças estruturais do núcleo familiar contemporâneo. Assim, nossa data do dia dos Pais foi marcada como a Festa da Família. Nos quatro polos de atuação do Instituto ORM, aconteceram momentos planejados e dedicados a este público. Cada indivíduo tem uma história, e respeitar a história familiar faz toda a diferença.”, afirma a assistente social e mobilizadora da equipe técnica social do IORM, Letícia Gerim.

As ações aconteceram no dia 13 de agosto no Núcleo IORM de Miguelópolis, no dia 15 de agosto nos Núcleos do IORM em Ipuã e Guaíra e no dia 16 de agosto no núcleo Orlândia e contaram com o envolvimento das equipes psicossociais e artísticas do Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça dos quatro polos de atuação, que utilizaram materiais pedagógicos para as dinâmicas e ofereceram café da tarde aos participantes. O impacto das ações alcançou uma média de 330 pessoas presente nos encontros participando ativamente.

Confira como foi a comemoração em cada Núcleo do IORM:

Miguelópolis

O Núcleo Cultural Oswaldo Ribeiro de Mendonça de Miguelópolis foi o polo que abriu as festividades dos encontros da Família, no dia 13 de agosto de 2019. O encontro reuniu cerca de 80 pessoas e aconteceu no Centro Cultural Rail Miguel Sawan no início da noite. Entre as atividades programadas, prioridade para as homenagens que as crianças e adolescentes assistidos pelo IORM prepararam para seus familiares. Ensaiadas e acompanhadas pelo professor e cantos Wellington Miranda, elas dedicaram aos familiares a música Amigo para toda hora. O encontro também contou com a atividade descontraída – Sentindo na Pele com a estagiária de Jazz, Ana Caroline.

Ipuã

Cerca de 70 pessoas participaram do Encontro com as Famílias realizado à partir das 17 horas do dia 15 de agosto pelo IORM no  Núcleo Cultural ORM de Ipuã,. Atividades artísticas entre pais e filhos, marcaram o momento de acolhida: os alunos assistidos pelo IORM tiveram a oportunidade de personalizar sua lembrança junto de seus pares. Todos participaram da aula de dança Sentindo na Pele, dirigida pela professora de Dança Ballet e Jazz, Isabela Oliveira. A assistente social conduziu um momento de reflexão sobre o tema: Família e o abraço, como uma ferramenta da disciplina positiva, e como forma de se sentir amado, ativa o senso de altruísmo e cooperação da criança, ela sai um pouco daquele movimento interno de raiva e frustração para olhar no outro. O evento foi encarrado com a dinâmica Seu abraço é um Estouro, reafirmando o exercício de olhar o olhos e se abraçarem.

Guaíra

O Centro Cultural Colorado, sede do Núcleo Cultural IORM recebeu os participantes do Encontro com a Família, que aconteceu à partir das 18 horas do dia 15 de agosto. O IORM teve a oportunidade de se unir aos representantes das famílias dos assistidos, para reforçar a importância da participação da família no processo direto de formação das crianças enquanto indivíduos.

O IORM reconhece a família como a primeira sociedade que convivemos e que levamos por toda vida, portanto, base para a formação de qualquer indivíduo. Em sua participação no evento, o assistente social Renan Quirino, do polo Guaíra destacou que: “É no convívio familiar que aprendemos um com o outro, a respeitar, partilhar, ter compromisso, disciplina e a administrar conflitos. É inegável que cada um carrega um histórico de experiências, aprendizados e lembranças que apresentarão reflexos por toda vida.”, salientou.

A celebração contou com 80 participantes que assistiram à apresentação do professor e cantor Welington Miranda, à contação de histórias com homenagem com Teacher Beth que homenageou assistidos e familiares.

O encontro foi encerrado pelo Assistente Social Renan Quirino com a dinâmica Em que mãos estão nossos filhos que destacou a importância de pensar nas atitudes de pais e familiares enquanto formadores de crianças que estão em processo de construção de repertorio psicossocial e necessitam de todo apoio e incentivo para crescerem e se desenvolverem plenamente e com segurança, respeitando toda pluralidade de formação familiar.

Orlândia

A Semana denominada Festa da Família realizada pelo IORM em todos os seus polos, foi encerrada com o Encontro realizado no dia 16 de agosto em Orlândia. O evento contou com a presença 102 pessoas divididas em dois horários diferentes e encontros diferentes.

Em ambos os encontros, os participantes contaram com a apresentação dos alunos de canto coral que trouxeram as músicas Trem Bala, de Ana Vilela. Com flautas, os alunos apresentaram a música Hallelujahde Leonard Cohen, ambas sob direção da professora Katiuscia de Paula.

As ações artísticas e culturais também contaram com a Assistente Social Laís Cunha que coordenou a dinâmica que pedia a alunos e familiares para que completassem a música e depois cantassem com a cooperação dos familiares, um momento que rendeu muitas risadas e grande emoção. A programação prosseguiu com a dinâmica da bexiga, que provocou uma breve reflexão sobre a importância do cuidado com os nossos familiares, mas também o respeito com os demais. O encerramento foi marcado pela  entrega das lembranças confeccionadas pelos próprios assistidos durante as aulas de artes da professora Daniela Rodrigues, que decoraram o mural também foi criado pelos alunos.

leia mais
Evento

Adquira ingressos da 10ª FAIG de Guaíra e apoie o IORM

destaque-00

O Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça – IORM, já está disponibilizando os ingressos para o show do sábado, dia 21 de setembro da 10ªFeira Agro Industrial de Guaíra, a Faig, ao valor de R$20,00. Todo o recurso apurado com a venda dos ingressos será revertido para os projetos realizados pelo IORM.

A Feira acontece de 18 a 22 de setembro.Os ingressos vendidos pelo IORM dão direito ao show da dupla sertaneja Edson & Hudson. Nos outros dias, o acesso à feira que acontece no Parque Permanente de Feiras e Exposições Ademir Jovanini Augusto é gratuito. No dia 19, a Faig  terá show com a dupla  Rick e Renner, no dia 20 com Maic&Lyan e João Pedro & Cristiano.

Além do IORM, as demais entidades do Terceiro Setor de Guaíra serão beneficiadas com a venda direta dos ingressos,

Os ingressos podem ser adquiridos no Centro Cultural Colorado, em Guaíra.

leia mais
Evento

Reúna seus amigos e sua família: vem aí o Festival de Prêmios do IORM no GREC Guaíra

PHOTO-2019-05-31-14-47-14

Marque esta data na sua agenda: 6 de julho, sábado. Nesta noite, a partir das 20 horas, acontece mais uma Festa Julina do Grêmio Recreativo Esportivo Colorado, que acontece junto com o Festival de Prêmios do IORM.

Essa é uma das mais tradicionais festas juninas de Guaíra. Famílias e amigos se reúnem para a diversão e para fazer o bem. A renda da festa a cada ano é doada para os projetos desenvolvidos pelo Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça – IORM.

Sorteio de prêmios, música boa, comida típica deliciosa, jogos, tudo em um clima de muita alegria. Em breve os organizadores informarão a grade de shows e detalharão as atrações do evento.

leia mais